Mesa de Bar

Lugar pra se falar sobre tudo e sobre o nada.

Minha foto
Nome:
Local: Belo Horizonte, Minas Gerais, Brazil

Sóbria, a maior parte do tempo. Na mesa de um bar me torno mais corajosa, mais sensível, mais emotiva, mais generosa. No bar e com umas cervejas a mais, as dúvidas se dissipam, as certezas afloram, as tristezas caem fora e a alegria reina. Sim, na mesa de um bar eu sou uma pessoa melhor do que fora dela.

quinta-feira, março 04, 2010

Ant0l0gia P0rn0gráfica

Este livro foi um dos presentes mais originais que um namorado já teve coragem de me dar. (adivinhem quem?)

Não é erótic0, é p0rn0gráfic0 mesmo. Não se trata de sensualidade e sim de putari@ pura.
Não há meias palavras, não há eufemismos, não há sutileza, não há rodeios. É explícito. Escatológico. Incorreto.

E nada disso torna a leitura pesada ou desagradável. Pelo contrário, é divertidíssimo! É de dar gargalhadas! É como se estivéssemos fazendo uma travessura, uma molecagem ao ler tanta bandalheira.

Impressionou-me a grande quantidade de poetas líricos, românticos, "sérios" enfim, que também se dedicaram, nas horas vagas, ou não tão vagas, a escrever e descrever cenas picarescas. Guerra Junqueiro, Manuel Bandeira e Sá Carneiro são alguns dos que se cansaram de fazer pose na sala de visitas e foram para o quarto escrever sacanagem. E essa poesia é uma libertadora lufada de ar fresco no bolor do moralismo cotidiano!

5 Comments:

Blogger Lulis said...

Humm Manuel Bandeira?!! Nunca imaginei..
E você tem grande talento em aguçar a curiosidade alheia.
bjos

3/04/2010 7:39 PM  
Anonymous Anônimo said...

Mas carlos Drummond de Andrade, quando tentou fazer poesia erótica, escreveu pornografia e ruim!

3/06/2010 8:59 AM  
Blogger Arnaldo said...

São poucas as pessoas que têm coragem em admitir que gostaram de alguma coisa pornográfica. O máximo que se costuma ouvir é aquele blá blá blá de que gosta de erotismo mas não gosta de pornografia, quando, na maioria das vezes, a linha que divide essas duas coisas (se é que ela existe) é muito difícil de ser definida.

Gosto de erotismo, gosto de pornografia, gosto de putaria, seja um filme, um livro, uma pintura. Gosto, desde que seja bom.

3/06/2010 8:58 PM  
Blogger MegMarques said...

Lulis, qualquer dia posto aqui um poema dele para satisfazer a curiosidade!

Anônimo, também não acho boa a poesia erótica/p0rn0gráfica do CDA. Tenho a impressão que ele escrevia aqueles poemas apenas para "consumo interno" e não gostaria de ter nada daquilo publicado.

Verdade, Arnaldo. Há que ter coragem para assumir esse tipo de leitura!

3/08/2010 12:12 PM  
Blogger K said...

Eu li Cem Escovadas Antes de Dormir de uma adolescente italiana, já leu ? Isso sim é pornografia barata da pior qualidade . Mas que esquenta as noites, isso esquenta, e como !!!

3/11/2010 4:07 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home