Mesa de Bar

Lugar pra se falar sobre tudo e sobre o nada.

Minha foto
Nome:
Local: Belo Horizonte, Minas Gerais, Brazil

Sóbria, a maior parte do tempo. Na mesa de um bar me torno mais corajosa, mais sensível, mais emotiva, mais generosa. No bar e com umas cervejas a mais, as dúvidas se dissipam, as certezas afloram, as tristezas caem fora e a alegria reina. Sim, na mesa de um bar eu sou uma pessoa melhor do que fora dela.

sexta-feira, abril 25, 2008

Profissões ingratas

1- Atendente de telemarketing.
Ok, eles são chatos e inconvenientes. Mas com certeza não fazem aquilo por gosto, precisavam de emprego e pegaram o que apareceu. Já imaginaram ficar o dia inteiro sentado na mesma cadeira, repetindo a mesma coisa vezes sem conta? E os desaforos que eles devem ouvir? Morro de dó!


2- Distribuidor de panfletos nos sinais.
Também são chatos, enchem meu carro de lixo todos os dias. Mas já não tenho coragem de recusar porque eles ganham por número de papéizinhos que entregam. São vigiados por fiscais e não podem simplesmente jogar a pilha de papel no lixo nem distribuir de dois em dois ou três em três (coisa que eu certamente faria). Imagina o que é ficar andando 20 metros pra cima e pra baixo o dia inteiro, faça bom ou mau tempo e encarar a janela e a cara fechada dos motoristas? Ruim demais, coitadinhos.


3- Anunciante vestido com fantasia tosca dançando no meio da rua.
No caminho pro meu trabalho todo dia encontro três dessas criaturas. Um está vestido com uma fantasia felpuda de cachorro, anunciando os serviços de uma empresa de vigilância; outro usa uma fantasia de pelúcia de baleia orca, anunciando uma concessionária de carros e o último pobre coitado veste-se de COLCHÃO!!! O mico e o calor que eles devem sentir ali dentro, dançando e acenando pra todo mundo... O único pensamento consolador que devem ter é: “pelo menos ninguém me reconhece”.

Senhores publicitários e marketeiros, tenham pena dos seres humanos ao elaborar suas estratégias de publicidade.

8 Comments:

Blogger Monix said...

Meg, se vc trabalhase um prédio onde também há uma empresa de telemarketing, garanto que vc não teria tanta simpatia pelos atendentes. Vai por mim. Bjs

4/25/2008 12:39 PM  
Blogger LadyoftheFlies said...

Meg, eu sou como voce, tambem morro de do dos distribuidores de panfletos. Pego todos os panfletos que tentam me entregar e as vezes ate peco mais. Nao sei se aqui nos EUA o esquema de pagamento e igual ao do Brasil mas ainda assim nao me escapa um panfleteiro. Quem ve fica achando que eu sou meio desequilibrada mas tudo bem, e por uma boa causa. Alem disso faco questao de reciclar todos os panfletos que muitas vezes ate aqui na dita civilizacao vao parar no chao.
Raquel (NY)

4/25/2008 2:07 PM  
Blogger Lolló said...

Meg, tem um que fica fantasiado de boneco chinês, com uma cabeça enorme, em frente a um restaurante chinês vagabundo na Afonso Pena, que é hilário. Eu não sei se acho mais graça da feiúra da fantasia ou das brincadeiras que o cara faz com todo mundo que passa.

Ah, e não me convide pra mesma festa onde estará um atendente de telemarketing. Tenho birra total. Tá, um pouquinho de pena também. Mas a raiva ganha.

4/25/2008 5:21 PM  
Blogger Valentina said...

Há pouco tempo eu li que os atendendentes de telemarketing estão tão acostumados a ser mal tratados que quando você é educada, eles ficam desarmados e são hiper solícitos .
K

4/25/2008 6:34 PM  
Blogger Rubão said...

Ao ser perguntado por alguma mulher sobre minha atividade profissional, já tive vontade de dizer: amiga, sou um Pateta da Emive. Só de molecagem. Pra ver a reação.
Bjs,
r

4/26/2008 11:25 AM  
Anonymous Alena said...

Não sei como os humanos são capazes de bolar a genial idéia de mandar uma PESSOA segurar uma placa de madeira com anúncio sob o sol de Salvador. Indigno-me e aqui a publicidade de gente -porta-cartaz anda em alta.

4/26/2008 2:25 PM  
Anonymous Anônimo said...

o coitado da empresa de segurança tá lá todo santo dia! esse rala!!!

4/27/2008 3:01 PM  
Blogger Valentina said...

E eu não resisto e fico dando tchauzinho pro boneco da Emive.Quase mato a Valon de vergonha.
K

4/28/2008 2:16 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home